blogdosperrusi
DimasLins
TIJOLO POR TIJOLO

TIJOLO POR TIJOLO

jan 26

Costumamos receber emails de mensagens, emails assombrados, emails até evasivos, como somos, quando não queremos falar. Recebemos emails todo santo dia de gente à procura de um desconhecido, desaparecido, doente talvez. Recebemos emails, porque as caixas de correio, faz tempo, só servem para cobranças.

Agora, emails para dizer que está feliz, que saiu com o pai, andou a cavalo, estendeu seus olhos no horizonte e viu que a vida é boa… Que saiu para almoçar com a família e gostou da comida e da surpresa que sentiu nas pessoas…

Email contando os planos sobre o plantio, sobre as compras na cidade e as paredes da casa nova que começa a erguer-se…

- Em fevereiro – revela – provavelmente a casa estará coberta.

Eu de cá entendendo que muito mais está a se cobrir, a se erguer…tijolo por tijolo, telha por telha.

Como sobra, terás a paisagem do alto de tua casa, brincarás com os meninos à tardinha e pela manhã. Dormirás na rede com ela e acordarás com o menor te fazendo cócegas nos pés. Depois disso, teu maior já te esperará para contar a última descoberta, respondendo sem pestanejar de que cor sãos os olhos teus.

- Teu afilhado não pára, está andando tudo tudo.
- Eu sei, cumpade, eu sei – não sei como, mas sei.

E sei também que muito email desse irei receber. Emails e telefonemas, mesmo que te chamem no meio da conversa para atender o filho do morador que acabou de furar o pé no arame farpado.

Sim, doutor, eu também sei que este caminho não tem volta e mais tarde, ou mais cedo, sempre nos encontraremos, quando então descobriremos que nunca estivemos separados.

Plante a sua semente

DimasLins