InscritosEmPedra
DimasLins
CÉU E TERRA

CÉU E TERRA

jul 12

O céu desce à terra todos os dias
Coberto de asas
Esfumaça-se nas nuvens
Aconchega-se nas flores
E pousa entre colinas,
Mares
Terras

Sim, o céu desceu à terra
Um novo bebê nasceu
E outro
Após outro…
E outro ser subiu
Para descer depois que criar asas

O céu desce à terra
Por entre fios de telefones
Emails
Portas abertas
Sorrisos de amigos
Fraternos
Camaradas

Céu
Terra

Faces do sorriso de Deus.

Inspirado na escrita do poeta Domingos Sávio do blog No Toitiço

10 comentários

  1. Dois Rios
    1

    Lindo, Magna!

    Céu, terra, chegadas e partidas.
    "Faces do sorriso de Deus."

    Beijo,
    I.

  2. Magna Santos
    2

    Beijo pra você também e obrigada pela tua presença sempre tão delicada e fraterna, Inês.
    Fique com Deus.
    Magna

  3. tesco
    3

    O mais difícil é notar isso: Que esse intercâmbio é contínuo, céu e terra estão indissoluvelmente interligados.
    Afinal, por que Deus pararia de sorrir? As monstrousidades dos homens não são mais que travessuras de crianças, e Deus dispõe de toda a eternidade para ensinar bons modos às suas crianças.
    E fazemos parte do céu, queiramos ou não! A Terra é um pontinho luminoso (quando iluminado) suspenso… Onde? No céu.
    Pela astronomia não escapamos.
    E pela teologia? A teologia lógica, bem entendido.
    Não dá outra: O céu está dentro de nós!
    Pelo menos enquanto Magna encontrar beleza nas flores e nas crianças, eu garanto.
    _Beijos celestes.

  4. Magna Santos
    4

    Que maravilha de palavras você nos traz, Roberto! MARAVILHA!
    Obrigada.
    Beijão.
    Magna

  5. Josias de Paula Jr
    5

    Que lindo poema, Magna! Lindo! Lírico, terno, delicado, denso.
    Pois o sorriso do teu deus, deixou comovido este pobre coração ateu! Um beijo.

  6. Magna Santos
    6

    Ah, Geó, pra mim o que importa é esta emoção de que falas. Ela ultrapassa crenças, fala de algo comum.
    E este sorriso é como uma ponte que vai costurando interrogações…
    Muito obrigada.
    Beijão.
    Magna

  7. Canto da Boca
    7

    Que coisa, é a segunda vez que a temática fé, Deus, crença me chega hoje…

    Entretanto independente do que cada um professe, o seu poema, Magna tem um sentimento divino que perpassa a religiosidade, a fé ou cong~eneres. É um vento brando que sopra do céu e acalma tantos sentimentos que estão em rebuliço, cá na terra!

    Beijo!

  8. Magna Santos
    8

    Quando leio comentários como esse, Boca, fico a pensar que poesia é mesmo algo do céu…da terra…do céu…
    E nesse sobe e desce, entendo mesmo o que é Deus e essa emoção toda que nos envolve.
    Beijão bem grandão.
    Magna

  9. Luna Freire
    9

    Que lindo!!! Que lindo!!! Que bela imagem esta do céu que desce a terra todos os dias coberto de asas… isso, sim, é Deus! Até para os ateus…

  10. Magna Santos
    10

    Pode-se ter mais em comum do que se pensa, sempre.
    Magna

Plante a sua semente para Magna Santos

TorcedorCoral