blogdosperrusi
TorcedorCoral
DO NÃO DITO

DO NÃO DITO

jan 26

Às vezes me invade este sentimento do mundo… Calo, querendo falar Choro, buscando sorrir Às vezes me invade este sentimento do mundo Igual ocorre com os poetas… Doces poetas… Quando morrem, deixam saudades Quando vivos Plantam esperanças De poeta, sou nada Sem a mão que me acompanha Às vezes me invade este sentimento do mundo E percebo que nada sou Ou … Não me...

ALTERIDADE

ALTERIDADE

dez 14

Cinco minutos para o final do almoço Despedida Ociosidade Alteridade…   Cinco minutos levo Escrevendo letras sem saber dizer   Enquanto isso, lá embaixo Cinco anos me aguardam o chamado Irá fazer a cama, desarrumar armários Sentar pai e mãe à mesa… As palavras visíveis Sentadas Ali na sala … E eu fico, então Sem precisar...

SOBRE RAÍZES E ASAS

SOBRE RAÍZES E ASAS

nov 17

Do alto dos seus cabelos brancos, observa a seiva que deita macia no umbuzeiro Encosta a cabeleira minguada no tronco da árvore centenária e fica Com suas raízes a criar asas… Irmanando-se com o tempo Com o destino Com o saber que ora acolhe   E o umbuzeiro também o observa Do meio da sua copa Do íntimo do seu tronco Da profundidade de suas raízes   O tempo une quem se...

QUANDO PONTES SALVAM

QUANDO PONTES SALVAM

out 24

Os noticiários inflamam a esperança com manchetes vermelhas Antes da ponte Aglomeram-se sirenes e curiosos Desejosos por saberem do desconhecido A textura do ar revela mais que oxigênio A cor das águas denotam o sofrimento do peixe Sim, progresso, sim Enquanto isso lá no Coque Pessoas teimam em viver Ao redor de vários livros Refazem o percurso perdido no grito Agora se tem...

FRESTAS

FRESTAS

out 06

Lacrei as portas Fechei as janelas Visguei fechaduras Apaguei luzes Não saí mais Ele entrou pelas frestas Abriu as cortinas Aqueceu minha casa Leu minhas entranhas Soube tudo de mim Tanta coisa de uma vez Tanta coisa… Tempo, tempo, tempo, tempo… Hoje não acerto mais o trinco Estou à espreita Com medo (Desejo) Que ele volte Já desarrumei as gavetas E voltei a arrumá-las uma...

BUARQUEANDO

BUARQUEANDO

set 25

“Não era o momento dele rebentar Como fui levando não sei lhe explicar, fui assim levando, ele a me levar”… “E todos os meus nervos estão a rogar E todos os meus órgãos estão a clamar E uma aflição medonha me faz suplicar”: “Deixe em paz meu coração(…)pode ser a gota d’água”! … “Atravessou a rua com seu passo...

Página 6 de 13« Primeira...45678...Última »