blogdosperrusi
DimasLins

Blog

Criado em 26 de agosto de 2008 numa noite de lua e vento, como dito no primeiro poema. Sementeiras vem para lembrar à autora da importância da plantação.

Terra pluralizada para singularizar, deixar-se absorver pelas mãos vizinhas, benfazejas.

Entre poemas, imagens, contos e crônicas, a palavra – semente primeira – viceja, diversificando o verso, a prosa, o sentimento incontido do coração.

Que Deus continue abençoando a todos que por aqui passarem!

Nota:

Algumas sementes apegaram-se em demasiado ao primeiro endereço, recusando-se migrar para este novo terreno. Este fato será solucionado aos poucos, na medida do tempo e destreza da autora. Enquanto isso, fica o link do primeiro Sementeiras, onde estão todos os escritos e seus respectivos comentários.

Primeiro Sementeiras